Twitter é mais uma empresa interessada na compra do TikTok

Aplicativo Chinês está marcado para ser excluído nos EUA em meados de setembro de 2020 e, além da Microsoft, também há outro candidato em adquirir as operações da rede social. É o Twitter, anos atrás já foi dona de uma rede bem parecida.

De acordo com o jornal The Wall Street Journal, em uma reunião já foi feita entre as partes. Contudo, não há detalhes sobre como seria a aquisição, já que o termo utilizado é “combinação” e vai envolver somente as operações Americanas do TikTok — justamente a fatia ameaçada pelo banimento. O resto, por conclusão, ficaria com a desenvolvedora ByteDace.

Vale ressaltar que o Twitter já foi o dono de um app muito semelhante ao aplicativo Chinês: o Vine, que tinha vídeos ainda curtos e foi fechado em definitivo em 2017. Os usuários órfãos da plataforma, inclusive, colaborou a formar uma parte da primeira base global de pessoas do próprio TikTok, lançado no mesmo ano.

Não é tão fácil

Um provável entrave nessas discussões é a questão de caixa: o Twitter possívelmente não tenha dinheiro suficiente para concretizar a compra no prazo dado pelo presidente dos Estados Unidos antes da exclusão, enquanto a Microsoft está bem tranquila nesse quesito.

Por outro lado, uma junção seria vista com menos preocupações do que a compra da rival, já que a proprietária do Windows possivelmente vai sofrer com regulações por práticas anticompetitivas de mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *