Vazamentos de informações expôs milhões de pessoas que são usuários do TikTok, Instagram e YouTube

Um banco de dados com informações de aproximadamente 236 milhões de perfis do YouTube, Instagram  e TikTok foi vazado na internet por alguns dias, sem qualquer segurança. A notificação foi dado na meio dessa semana pela Comparitech, organização de segurança que é responsável por encontrar o defeito, que já foi ajeitado.

A grande maioria dos dados vazados era do Instagram, que contava com duas armazenagem de informações: uma de quase 96 milhões de perfies e outra com aproximadamente 97 milhões. Já a pasta do TikTok continha dados de mais ou menos de 42 milhões de perfis, enquanto a plataforma de vídeos da Google possuía informações referentes a quase 4 milhões de contasEntre os dados que foram expostos, havia especificações como nome do perfil, username, foto, descrição da conta, idade, sexo e estatísticas de interação com seguidores. Em vários casos, as informações tiham, também, o contato de telefone e o e-mail dos donos dos perfis.

De acordo com a Comparitech, as evidências indicam que os dados pertenciam à Deep Social, companhia deletada pelo Facebook no ano de 2018, depois de pegar informações de pessoas de forma ilegal. Contudo ao ser perguntado, a empresa assegurou que o banco era de propriedade da Social Data, localizada na China. Está última empresa, por sua vez, falou que houve a violação e encerrou o acesso, no começo de agosto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *